A PCDF, ATRAVÉS DA 35ªDP, APOIADA PELA DOE, PRENDE DOIS INDIVÍDUOS DURANTE A OPERAÇÃO “ERÊ” VOLTADA A REPRIMIR ESTUPROS DE VULNERÁVEL E PEDOFILIA.

A OPERAÇÃO ERÊ fora desencadeada após realização de investigações que apuraram a conduta de dois infratores, envolvidos com abuso sexual, estupro de venerável e pedofilia. A operação contou com o apoio da DOE e resultou na prisão de dos dois agressores investigados.

O primeiro preso, um indivíduos de 45 anos, vinha abusando da própria enteada de 12 anos. Os abusos ocorriam há 4 anos, sendo que o criminoso fotografava partes íntimas da vítima e praticava diversas formas de abusos sexuais, incluindo estupro.

O segundo preso, um indivíduo de 37 anos, ex-pastor evangélico, vinha abusando sexualmente de pelo menos uma criança de 11 anos. A criança relatou os abusos a uma professora e em uma carta entregue à família, o abuso durou vários anos, tendo a vítima tentado se suicidar.

O criminoso forçava a criança a assistir filmes pornográficos e a ameaçava caso a vítima contasse os fatos para alguém. O mesmo pedófilo é investigado por possíveis abusos contra uma outra criança da família.

Além dos dois pedófilos presos, a OPERAÇÃO apreendeu 02 armas, vários computadores, HD’s, celulares, imagens fotográficas, pendrives, notebooks, brinquedos e outros objetos de interesse da investigação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Open chat