A rotina de salvar vidas

 

*A Polícia Militar do Distrito Federal realizou no 1º semestre de 2020 cerca de 2.000 atendimentos relacionados a diversas naturezas de salvamentos, de acordo com levantamento realizado no Sistema Gênesis PMDF.* *Dentro desses, tivemos oito ocorrências de apoio diversos, envolvendo engasgamentos de crianças, seis partos, cinco resgates de afogados, resgate de vítimas perdidas, 106 atendimentos relacionados a todo tipo de incêndio (residência, veículo, cerrado, edifício público, comércio, entre outros), além de mais de 1.000 casos envolvendo socorro aos animais.*
Os policiais militares se especializam no decorrer da profissão em salvamento terrestre, aquático, em altura, veicular, dentre outros. A atuação, em pronta resposta dos policiais militares, nos recorrentes atendimentos de salvamentos e resgates, evidencia o empenho nos cursos de aperfeiçoamento realizados durante a carreira. Destaca-se que tal proatividade e competência decorre da inclusão destas temáticas nos cursos de formação, especialização e aperfeiçoamento oferecidos pela corporação.
As disciplinas previstas nos cursos abordam conhecimentos básicos de atendimento pré-hospitalar, condução de situações de urgência e emergência hospitalar em cargas horárias que variam entre 10h a 30h/aulas, além de salvamentos que decorrem de incêndios, afogamentos e resgates de diversas naturezas. No ano de letivo de 2019, o Departamento de Educação e Cultura atendeu, nos cursos de formação e sequenciais de carreira, aproximadamente 1.919 alunos. Nos que são ofertados durante a profissão, os policiais têm a oportunidade de reciclar e atualizar as novas práticas de salvamento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Open chat