Mulher grávida e adolescente morrem em acidente grave na Epia Sul

Um acidente grave na Epia Sul, envolvendo três carros de passeio, deixou duas pessoas mortas na noite desse domingo (17/4).

A colisão ocorreu por volta das 20h30, na via sentido Plano Piloto. As vítimas eram uma gestante, de 32 anos, e uma adolescente.

Ambas estavam no Peugeot/207, cor branca, com mais duas pessoas. A gestante se encontrava presa às ferragens no banco da frente. No banco traseiro estavam as duas adolescentes, que foram encontradas inconscientes.

A mulher grávida foi desencarcerada do veículo pelas equipes do Corpo de Bombeiros do Df (CBMDF) e transportada pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para o Hospital Materno Infantil (HMIB). Contudo, ela não resistiu aos ferimentos e foi a óbito.

Uma das adolescentes teve uma parada cardiorrespiratória no local e precisou ser reanimada. Após uma hora de tentativa a jovem não resistiu e teve o óbito declarado no local. A outra adolescente foi conduzida para o instituto Hospital de Base, inconsciente e instável.

Um homem que também estava no carro foi encontrado fora do veículo. Ele tinha uma suspeita de fratura na face e no membro superior esquerdo. Estava consciente, mas desorientado e instável e foi encaminhado para o Hospital Regional do Gama (HRG).

No acidente ainda se envolveram os carros Fiat/Mobi preto, conduzido por um motorista de 33 anos. O carro chegou a capotar e ficou parado na via com as rodas para cima. No carro havia duas criancas de 6 e 3 anos, filhos do motorista. Eles sofreram escoriações e apresentavam dores no corpo. Foram encaminhadoa ao Base para avaliação.

O terceiro carro envolvido no acidente era um Toyota/ Corolla, cor branca, conduzido por uma motorista de 31 anos. Ela foi atendida com suspeita de fratura no membro superior esquerdo e reclamava de dores abdominais. A mulher foi encaminhada ao Hospital Regional de Taguatinga (HRT).

Além da motorista, havia como passageira uma criança de 6 anos. Ela foi socorrida com edema na face e sentia dor abdominal. A menina também foi levada ao Base.

Durante todo o socorro que empregou 14 viaturas e 45 militares, a via ficou interditada. Após a desmobilização do CBMDF a pista ficou aos cuidados da PM e do DER do Distrito Federal.

A PCDF foi acionada para perícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Open chat