Partes de corpo achadas em esgoto pertencem a brasiliense desaparecido

Os laudos apontam, ainda, que Anderson Rocha Alves, de 35 anos, foi assassinado e teve o corpo queimado antes de ser jogado na rede

DF: partes de corpo achadas em esgoto pertencem a brasiliense desaparecido
Os laudos apontam, ainda, que Anderson Rocha Alves, de 35 anos, foi assassinado, teve o corpo queimado e jogado na rede. A investigação era conduzida pela 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul). No entanto, será assumida agora pela 4ª DP (Guará), uma vez que a vítima é moradora da cidade.
“Com a confirmação da identidade da vítima, a natureza da ocorrência criminal será alterada de desaparecimento para morte a esclarecer. A família já foi contatada e recebeu nosso compromisso de uma resposta rápida para descobrirmos o que de fato ocorreu com seu ente querido”, ressaltou o delegado adjunto da unidade, João Ataliba.Na época, os policiais civis localizaram vísceras e dois pés, sendo um deles com o pedaço da canela. Ainda não há informações sobre suspeitos e motivação do crime brutal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Open chat