PCDF prende homem suspeito de ter filmado estudante dentro do banheiro da UnB

Policiais civis da 2ª Delegacia de Polícia (Asa Norte) prenderam preventivamente, nessa terça-feira (21/6), o homem suspeito de ter filmado uma estudante, de 22 anos, em um banheiro feminino da Universidade de Brasília (UnB). O caso ocorreu no dia 7 de junho quando a jovem foi gravada enquanto usava o sanitário no Instituto Central de Ciências (ICC) Sul.

Os agentes da PCDF cumpriram mandado de busca e apreensão e de prisão preventiva a pedido da Justiça do Distrito Federal. As apurações verificaram que o autor teria praticado pelo menos 18 crimes de importunação sexual.

Segundo o delegado-chefe da 2ª DP, João Guilherme Carvalho, o suspeito costumava observar, fotografar e filmar mulheres, ou praticar outros atos libidinosos, quando as vítimas faziam uso do banheiro feminino

Na sede da delegacia, o homem negou ter praticado o crime, porém, as investigações avançaram a partir do reconhecimento formal de outras vítimas e, até mesmo, de pessoas muito próximas ao autuado, que o reconheceram nas filmagens do crime praticado na Unb.

“Apurou-se ainda que as roupas utilizadas pelo investigado no crime da UnB são as mesmas que foram por ele utilizadas em outro fato de importunação sexual cometido em um cartório do DF, sendo a vestimenta apreendida na ocasião do cumprimento do mandado de busca e apreensão na residência do envolvido”, destaca o delegado.

Foto: Divulgação/PCDF

De acordo com a Lei, a pena máxima para o crime de importunação sexual é de até cinco anos de reclusão, caso o fato não constitua crime mais grave. Consta dos autos, que o homem foi preso várias vezes em flagrante pelo crime de importunação sexual, mas encontrava-se em liberdade provisória, sendo que a última prisão dele ocorreu em maio deste ano.

“Ainda pesa contra o investigado 19 indiciamentos, a maioria deles pelos crimes de importunação sexual”, explica o chefe da 2ª DP.

A 2ª DP informa que, após o crime praticado na Unb, não foram identificadas outras possíveis vítimas de importunação sexual com suspeita de participação do autuado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Open chat