Preso da Papuda internado por se queixar de AVC foge pela janela de hospital no Paranoá

Luan Bruno Figueiredo Alves era lotado no Centro de Internamento e Reeducação (CIR) e deu entrada na unidade de saúde em 30 de abril se queixando de sintomas de AVC.

Um preso do Complexo Penitenciário da Papuda, de 31 anos, fugiu, na madrugada desta quinta-feira (5/5), de dentro do Hospital Regional do Paranoá (HRPA). O Correio apurou que Luan Bruno Figueiredo Alves era lotado no Centro de Internamento e Reeducação (CIR) e deu entrada na unidade de saúde em 30 de abril se queixando de sintomas de AVC.

Luan estava internado no hospital sob escolta policial e em estado de coma. Por volta das 22h30 desta quarta-feira (4/5), as equipes médicas realizaram procedimentos médicos e de limpeza do setor. O interno encontrava-se algemado à maca, procedimento de atendimento comum aos detentos.

Durante a madrugada, enquanto um policial estava na frente da porta de acesso, o preso conseguiu tirar a mão da algema, retirar as sondas nasal e peniana e fugiu pela janela, que dá acesso a área externa do Hospital. Em seguida, ele foi ao estacionamento. A fuga foi observada por um segurança, que viu o interno correndo vestido apenas de fralda.

Por nota, a Secretaria de Administração Penitenciária (Seape-DF) informou que as circunstâncias dos fatos estão sendo apuradas e a Seape emprega esforços na recaptura. Qualquer pessoa pode fornecer informações anonimamente sobre o foragido pelo telefone (61) 99451-0650.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Open chat