Um homem de 24 anos e uma mulher, de 25, são suspeitos de envolvimento na morte de um aposentado, de 76 anos.

Um homem de 24 anos e uma mulher, de 25, são suspeitos de envolvimento na morte de um aposentado, de 76 anos. O corpo de Eurico João de Souza Filho foi encontrado por um vizinho. A vítima estava amordaçada e com as mãos amarradas, na própria casa onde morava. A Polícia Civil solicitou um mandado de prisão temporária contra o casal suspeito.

No dia 6 de outubro, um vizinho de Eurico ligou para ele. Por não receber resposta, a testemunha foi até a casa do idoso. Chegando lá, o vizinho se deparou com o corpo de Eurico. A casa estava aberta e as luzes acesas.

A principal hipótese levantada pela investigação é de que o crime ocorreu durante uma tentativa de roubo à casa do aposentado. O caso aconteceu no bairro Balneário Plataforma II, em Mongaguá-SP.

A Polícia Civil foi acionada e constatou que Eurico estava amarrado com uma calça e um cinto, além de apresentar ferimentos e manchas de sangue

Colaboração: Jornal de Brásilia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Open chat